search
 
     
_
skip to the main content area of this page
 
Novidades

Novidades 


 

Palestras no âmbito do Dia Internacional dos Museus de Macau 2016

A fim de assinalar o “Carnaval do Dia Internacional dos Museus de Macau 2016”, os museus de Macau sob a égide do Instituto Cultural organizam uma série de palestras. A primeira palestra, intitulada “A Rota da Seda - Presente e Passado”, contou como orador convidado com o Dr. Joseph Ting, reconhecido investigador e professor convidado do Departamento de História da Universidade Chinesa de Hong Kong.

A Rota da Seda corresponde à antiga rota comercial de ligação entre a Europa e a Ásia, que proporcionou uma porta ao intercâmbio cultural entre oriente e ocidente. Mostrando um conhecimento profundo e humor e através de uma linguagem clara, Joseph Ting apresentou a origem, o desenvolvimento e o declínio da Rota da Seda bem como o intercâmbio cultural entre oriente e ocidente e a situação actual de cada país moderno localizado no percurso da Rota da Seda. Foi ainda feita uma breve apresentação de estudos sobre a Rota da Seda feitos por académicos como Paul Pelliot, Aurel Stein e Huang Wenbi, entre outros, explorando o orador, a partir desses estudos, os factores históricos, geográficos e culturais, entre outros, que levaram ao surgimento da Rota da Seda e determinaram o seu desenvolvimento. A palestra foi bem recebida, com perguntas do público sobre a influência que a China exerceu a nível cultural no ocidente através da Rota da Seda, às quais Joseph Ting respondeu que a linguagem escrita e os modos de vida da Ásia Central eram diferentes, pelo que a influência da China no ocidente se sentiu mais a nível de tecnologia e utensílios e não tanto a nível ideológico ou cultural.

A fim de comemorar o “Carnaval do Dia Internacional dos Museus de Macau 2016”, o Museu de Macau organiza a segunda palestra no dia 21 de Maio, intitulada “De ‘Velhos Amigos’ a ‘Somos Diferentes’ - A Perspectiva Cultural nos Textos Chineses (Diálogos) Editados pelos Ocidentais no Séc. IX” pelas 15:00 horas, no Auditório do Museu de Macau, proferida pela Doutora Lee Suk Yee, investigadora das Bibliotecas Públicas de Macau, a qual irá explorar e debater o período precedente e subsequente às Guerras do Ópio e as deslocações dos missionários, diplomatas e sinólogos ingleses, americanos, franceses, alemães e portugueses à China, bem como o seu quotidiano, o estudo da língua chinesa e os seus contactos entre pessoas de etnia chinesa, comerciantes chineses e oficiais.

Esta palestra será conduzida em cantonense, sem tradução, sendo a entrada livre. Os lugares são limitados, pelo que se aconselha aos interessados reservarem o seu lugar através do telefone n.º 8394 1217, durante o horário de expediente, ou pela internet. Para mais informações, é favor aceder às páginas electrónicas www.museums.gov.mo ou www.icm.gov.mo.

Data de Publicação : 2016-05-19


Voltar